Governo do Estado lança campanha com foco na prevenção da violência contra mulher

Entre as ações da campanha Agosto Lilás está o portal Santa Catarina Por Elas, desenvolvido pelo Ciasc. – Arte: Sal Santos/Secom

O Governo do Estado de Santa Catarina lançou nesta quarta-feira, 7 de julho, uma série de ações referentes à campanha Agosto Lilás, que tem como objetivo prestar serviços de apoio às mulheres vítimas de violência doméstica. Na ocasião foi realizada a solenidade de assinatura do decreto que institui a realização do “Agosto Lilás” durante todos os anos e o lançamento do portal Santa Catarina por Elas, desenvolvido pelo Centro de Informática e Automação do Estado de Santa Catarina (Ciasc).

A iniciativa faz alusão ao aniversário da Lei Maria da Penha (Lei n º 11.340) e estabelece um mês de atividades de conscientização da população sobre os tipos de violência contra a mulher e como combatê-las, além de capacitação dos profissionais para o atendimento às vítimas. A expectativa é atingir cerca de 700 mil pessoas em ações diretas de discussão sobre o tema.

O portal Santa Catarina por Elas é uma plataforma digital em que a mulher pode ter conhecimento dos seus direitos segundo a legislação, acesso aos telefones úteis e redes de apoio, além de entender melhor sobre os tipos de violência e os perfis dos agressores. O presidente do Ciasc, Sérgio Maliceski, esteve presente no lançamento do portal. “É de extrema importância que todos apoiem ações como essas. A equipe envolvida no desenvolvimento do portal e todos os servidores do Ciasc se sentem orgulhosos de fazer parte de um momento como esse”, declarou Maliceski.

A secretária de Desenvolvimento Social, Maria Elisa de Caro, ressaltou que o mês será de ações propositivas de violência contra a mulher envolvendo todas as pastas de governo de forma intersetorial, agradecendo a todos os envolvidos e evidenciando a importância do trabalho conjunto para que todo o projeto fosse lançado.
A programação da campanha Agosto Lilás estará disponível em todos os sites de secretarias de Estado, Autarquias e Fundações.