Manifesto Ágil completa um ano dentro do Ciasc

Um modo diferente, mais eficaz, rápido e conclusivo de executar e entregar um trabalho para o cliente. Esta é a metodologia Ágil, aplicada no Centro de Informática e Automação do Estado de Santa Catarina (Ciasc) há um ano. “É um processo demorado, que exige a quebra de paradigmas. Mas, aos poucos, estamos mudando este conceito dentro da entidade e essas pequenas mudanças já começam a dar frutos. Acreditamos que em menos de uma década será um conceito consolidado e quem ganha com isso são os órgãos do Estado e a população”, afirma o presidente do Ciasc, Luiz Antônio Costa Silva.

O Manifesto para o Desenvolvimento Ágil de Software, chamado apenas de Manifesto Ágil, foi criado nos Estados Unidos em 2001 por um grupo de profissionais veteranos na área de software, que trabalharam para melhorar o desempenho de seus projetos. Entre seus princípios, destacam-se a satisfação do cliente através da entrega contínua e adiantada de software com valor agregado; entrega de valor para o cliente em curto espaço de tempo; processos que promovam o desenvolvimento sustentável; bem como a integração entre equipe e cliente.

O Ciasc vem usando o método para priorizar a entrega contínua e adiantada de software funcionando, em menor tempo. “Todos trabalhando diariamente em conjunto por todo o projeto”, afirma Guilherme Serafim Pinter, Gerente de Produtos e Serviços do Ciasc. Segundo ele, esses processos ágeis promovem o desenvolvimento sustentável e continua atenção a excelência técnica. O Ciasc é um órgão vinculado a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDS).