Soluções digitais inovadoras impulsionam a educação catarinense

O estado de Santa Catarina tem investido em modernização nas diversas áreas sociais, com o objetivo de alcançar o nível máximo de transformação digital. A digitalização dos serviços públicos é uma das prioridades do governo estadual, que tem como meta transformar todos os serviços que forem possíveis em digitais até o final deste ano.

Na educação catarinense, a implementação de tecnologias e inovações já acontece há bastante tempo. As soluções digitais utilizadas na rede estadual de ensino passaram por evoluções importantes ao longo dos anos, sendo atualizadas continuamente, a partir de tecnologias modernas e avançadas para qualificar ainda mais os serviços entregues. 

Esse olhar para a qualificação do sistema educacional, por meio das Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC), representa avanços significativos nas relações escolares e impacta diretamente na vida do cidadão catarinense, oferecendo agilidade e praticidade para estudantes e suas famílias, docentes e demais profissionais que atuam na rede de ensino. 

Ao simplificar os encaminhamentos burocráticos, professores e estudantes têm mais tempo para demandas que impactam de modo mais relevante no cenário educacional, como se dedicar ao ensino e ao estudo, à preparação de aulas e à resolução de atividades, por exemplo.

Junto com a Secretaria de Estado da Educação (SED), as equipes do Centro de Informática e Automação do Estado de Santa Catarina (CIASC) têm participado ativamente desses processos, com o desenvolvimento de sistemas que facilitam o cotidiano escolar. O acompanhamento e a manutenção das soluções são constantes para garantir que funcionem conforme é esperado, com qualidade e segurança mesmo em períodos de grande demanda de acessos. 

Sistemas que modernizaram a rede de ensino catarinense

Os recentes investimentos do CIASC em infraestrutura possibilitaram a implementação de uma nova arquitetura de banco de dados e atualizações do sistema operacional. As medidas garantiram versões mais robustas e avançadas que apresentam melhorias no desempenho e na segurança das informações, permitindo a ampliação dos recursos necessários e a realização de entregas ainda mais qualificadas. 

Outra inovação importante é a integração de soluções desenvolvidas pelo CIASC com o sistema gov.br, do Governo Federal, que é uma identificação para o cidadão brasileiro acessar diversos serviços. A iniciativa vai trazer mais segurança pela gestão de identidade e autenticação obrigatória em uma plataforma conhecida. O procedimento já foi realizado com o sistema para intencionamento e ocupação de vagas para professores admitidos em caráter temporário (ACT) e demais professores que quisessem se candidatar às vagas, e está em fase de testes e implementação nas plataformas Matrícula On-line e Estudante On-line.

O portal Matrícula On-line é um dos exemplos de soluções desenvolvidas pelo CIASC e em constante aperfeiçoamento. Entre as atualizações, foram feitas mudanças para melhorar a usabilidade e trazer ainda mais facilidade nas inscrições às vagas da rede estadual de ensino. O sistema é utilizado em toda Santa Catarina para solicitação de novas matrículas, e tornou o processo mais ágil e prático para os pais e responsáveis. 

Para o ano letivo de 2021, o CIASC desenvolveu um sistema de intencionamento de vagas, utilizado pelos professores para indicar quais postos têm interesse em ocupar. A solução traz contribuições tanto para o professor, que pode indicar de maneira prática e simples, remotamente, a qualquer horário e de qualquer lugar, em que escolas e disciplinas desejam dar aulas, quanto para o estudante, que tem menos risco de ficar sem aula por falta de professor nas turmas.

 A partir de determinados critérios, os professores podem manifestar seus interesses e, após esse processo, é feita a classificação dos profissionais e a designação das turmas. Essas etapas acontecem no módulo administrativo do sistema de ocupação de vagas e trazem agilidade aos encaminhamentos das Coordenadorias Regionais de Educação. 

Além disso, o sistema é auditável e inclui todas as vagas disponíveis, trazendo ainda mais segurança e transparência aos procedimentos. As características da solução representam benefícios para todos os envolvidos com a rede estadual de ensino, como mais tempo para a organização e preparação das atividades escolares que se aproximam.

O intencionamento é contínuo ao longo do ano, mas há uma primeira chamada que envolve um número maior de professores e exige mais desempenho do sistema. Assim, para o processo de 2022, foram feitas melhorias com o objetivo de oferecer um serviço ainda mais eficiente. Diversos testes foram realizados para garantir a qualidade de funcionamento do sistema. Procedimentos utilizando robôs simulavam a atuação e experiência de professores, e testes de cargas buscavam avaliar o desempenho da aplicação em situações de acessos simultâneos para verificar a possibilidade de o sistema ficar sobrecarregado. Entendemos que esse foi um grande desafio que conseguimos superar com a atuação integrada de várias equipes e áreas do CIASC.

Outra melhoria realizada foi a integração entre o Sistema de Gestão Educacional de Santa Catarina, o SISGESC, e o Google Sala de Aula para criação de turmas e distribuição de aulas. A solução contribui na atuação dos professores e das unidades de ensino da rede estadual, otimizando o trabalho de enturmação, pois todas as informações lançadas no SISGESC entram direto no Google Sala de Aula

Administrado pela SED, o SISGESC é a ferramenta utilizada pelo estado para gerir e controlar todos os aspectos relativos à educação pública catarinense. Nele, estão armazenados todos os dados da rede estadual de educação (informações sobre escolas, estudantes, profissionais, histórico escolar, entre outras). Já o Google Sala de Aula é a ferramenta educativa e tecnológica utilizada por professores e estudantes para atividades escolares, como publicação de materiais extras, orientações, tirar dúvidas, entre outras.

A partir deste ano, cada turma corresponderá a uma disciplina ministrada para uma sala (exemplo: Sala 702 – Geografia), também vinculadas na plataforma Google Sala de Aula, o que representa um aumento significativo no número de turmas criadas e integradas. Em 2021, foram inseridas cerca de 500 mil turmas. Neste ano, o número subiu para cerca de 5 milhões de turmas.

A inovação traz um ambiente exclusivo para cada professor trabalhar seu conteúdo diretamente com a turma, e proporciona aos estudantes uma separação entre a comunicação e as atividades de cada uma das disciplinas. O resultado é mais organização e dinamicidade para todos os envolvidos no processo.

Uma nova versão da plataforma Estudante On-line está prevista para as próximas semanas, após um denso trabalho de User Experience (UX), ou Experiência do Usuário em português, com a finalidade de compreender o que as pessoas esperam do aplicativo, para que se sintam bem em utilizá-lo. A etapa incluiu entrevistas com pais e estudantes, análise com a equipe que utiliza e com profissionais da SED que prestam atendimento às demandas de usuários. A ferramenta vai permitir que estudantes da rede estadual de ensino realizem ações como consulta de boletim, notas e frequência.

A solução Professor On-line está em análise de UX. A iniciativa vai trazer funcionalidades do site para o aplicativo, como a possibilidade de fazer a agenda de atividades da turma, registrar notas e conteúdos, além de possibilitar o registro, mesmo sem acesso à internet, da presença ou ausência dos alunos. A perspectiva é que os dois aplicativos estejam disponíveis para Google Play e App Store.

Atualmente, as plataformas web e aplicativo das soluções Professor On-line e Estudante On-line estão sendo unificadas, a partir de base de dados, estrutura e funcionalidades comuns tanto no site quanto no app.

A Ciência de Dados é outra tecnologia que vem sendo utilizada. Em 2019, a SED e o CIASC entregaram um sistema com painéis de Inteligência de Dados, chamado “Educação na Palma da Mão”. A solução apresenta informações variadas sobre a educação estadual, como número de escolas, estudantes, turmas, programas e projetos, escolarização, entre outras, e se tornou uma referência nacional, inclusive junto ao Ministério da Educação (MEC). 

Aqui no CIASC, temos nos empenhado para, cada vez mais, desenvolver e entregar produtos e serviços digitais de relevância. Sabemos que o uso de tecnologias tem transformado as experiências das mais diversas formas e poder contribuir para os avanços na educação, entendendo o impacto que tem na vida de professores, estudantes e suas famílias, representa um movimento fundamental para a empresa. 

 

Por:

Moema Cargnin – Coordenadora de Soluções da Educação na Gerência de Produtos de Software (GPROS) do CIASC

Tabita Strassburger – Jornalista. Doutora em Comunicação e Informação. Bolsista da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (FAPESC), no Programa de Pesquisa e Implantação de Sistema de Inovação do CIASC. Contato: tabita@ciasc.sc.gov.br