Ciasc apresenta projeto no 18º Congresso Brasileiro de Custos

Florianópolis (09/11/2011) – Nesta quarta-feira (9) encerra, no Rio de Janeiro, o 18º Congresso Brasileiro de Custos, evento de relevância no cenário contábil nacional. O Centro de Informática e Automação de Santa Catarina (Ciasc) foi representado pelo funcionário da coordenadoria de marketing, João Teles, que juntamente com o contador Lucas Keunecke, apresentaram um trabalho acadêmico-científico baseado no cálculo do índice de transparência nas contas públicas de cinco municípios catarinenses.

Teles e Keunecke analisaram os dados de São José, Florianópolis, Criciúma, Blumenau e Joinville, através do Sistema Integrado de Apoio ao Controle Interno (Siaci), desenvolvido pelo Ciasc em parceria com o Tribunal de Contas do Estado de Santa Catarina (TCE/SC). Trata-se de um sistema instantâneo de apoio à transparência e à gestão pública. Foi criado para que o controle interno e os gestores dos órgãos públicos possam acompanhar, por exemplo, as receitas, despesas, licitações, contratos e convênios, facilitando a transparência.

Segundo o vice-presidente comercial, Ruy Sérgio Rundbuchner, o sistema é destinado para o uso em órgãos públicos, como prefeituras, câmaras municipais, empresas públicas, sociedades de economia mista e órgãos do governo. “O Siaci permite que a prefeitura tenha conhecimento de todos os atos no momento em que eles acontecem. Ele também é utilizado como ferramenta de gestão”, lembra Rundbuchner. As conclusões apontaram o Siaci como ferramenta que permite a maior disponibilização de informações entre as prefeituras analisadas.